Publixer Magazine| Home
Aprendendo grafite na escola

Aprendendo grafite na escola

0 Comentários 🕔01.set 2015

Oficinas circulam por escolas públicas e privadas de Itajaí

 

2015-09-01- projeto_ideia_expressa

O estêncil é uma técnica do grafite utilizada na arte urbana. O projeto “Ideia Expressa”, criado no curso de Design Gráfico da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), promove oficinas que ensinam o grafite de rua, com a técnica de estêncil, para estudantes adolescentes, com a intenção de incentivar o protagonismo jovem.

O projeto começou este ano, e já envolveu alunos da Escola Municipal Gaspar da Costa Moraes, do Colégio Salesiano, e neste mês de setembro, terá início na Escola Estadual Nereu Ramos, em Itajaí. O intuito do “Ideia Expressa” é despertar nos jovens uma visão crítica, o autoconhecimento e dar um escape, nesse caso com o estêncil, para que eles possam se expressar.

“O adolescente vive uma fase de afirmação e está atento a tudo em sua volta. Em geral, ele se sobressai na sua turma por aquilo que ele ‘tem’, seja um tênis, uma roupa mais descolada, ou se é o mais bonito, a mais bonita da sua turma. No entanto, é muito legal no projeto, perceber que as pessoas começam a notar o jovem pelo que ele ‘pensa’ e pelo que a sua arte provoca”, conta o Gustavo Russo, professor idealizador e coordenador do projeto. Além do professor, participam do Ideia Expressa três acadêmicos bolsistas e um voluntário.

2015-08-01-estencil

Por meio de oficinas, os alunos aprendem o que é arte urbana, o estêncil e técnicas básicas. Em seguida, eles criam suas próprias experimentações, fazem os cortes dos moldes, e por fim, fazem as aplicações em suportes e nas paredes da escola. O mini-curso ocorre em encontros semanais, no próprio colégio, no contraturno escolar.

A escolha do estêncil não é por acaso. “O estêncil é uma arte presente nas ruas, e que não está distante dos adolescentes. Ele não precisa expor em galerias de arte ou comprar materiais caros. O estêncil pode ser feito no seu espaço, entre a sua turma, ouvindo o som que ele gosta. É acessível, alternativo e livre”, conclui Russo.

Artigos semelhantes

Já imaginou o Parque Vigeland com chamamento público?

Já imaginou o Parque Vigeland com chamamento público? 0

Retirada das esculturas do parque tem motivação paroquiana. Indignado com a retirada das esculturas do Parque

Falta combinar com o Rio Camboriú

Falta combinar com o Rio Camboriú 0

BC Port, Taroii e governo investem no rio poluído Foto: Arquivo Histórico de BC Ultimamente o Rio

A história da CDL em livro

A história da CDL em livro 0

Luciana Zonta e Adão Pinheiro assinam a publicação Um olhar sobre a história do comércio de

As imagens vencedoras do ReciclaBC

As imagens vencedoras do ReciclaBC 0

Concurso envolveu a comunidade escolar. Em solenidade realizada no Teatro Bruno Nitz foram premiados os vencedores

20 e poucos gatos pingados na audiência do orçamento 2020

20 e poucos gatos pingados na audiência do orçamento 2020 0

Mobilizados só os hoteleiros Como estava na cidade fui dar uma olhada na audiência pública sobre

Sobre o autor

Bola Teixeira

Bola Teixeira

Jornalista, amante de blues e do bom e velho rock and roll, sediado em Balneário Camboriú - SC, mas com os olhos e ouvidos abertos para os acontecimentos do mundo.

Ver mais artigos 🌎Visitar o site Envie um e-mail

Sem comentários

Nenhum comentário.

Ninguém deixou um comentário neste artigo.

Deixe um comentário


Warning: Illegal string offset 'rules' in /home/storage/d/8a/f8/garfada/public_html/publixer/wp-content/themes/piccione-theme/functions/filters.php on line 157

Warning: Illegal string offset 'rules' in /home/storage/d/8a/f8/garfada/public_html/publixer/wp-content/themes/piccione-theme/functions/filters.php on line 158
<

3 × cinco =

 

O que você procura?